Escaras, feridas, lesões, osteomelite

Atualizado: 31 de mar. de 2021

Nós que participamos ativamente no cuidado do Trauma Raquimedular, sabemos bem o que se trata. Mas você, nessa época de pandemia. E que fica só numa posição? sentado ou só deitado? pode ter escaras?? Pois fique sabendo que não precisa ser cadeirante ou trauma raquimedular para ter essas difíceis feridas.


A escara quase sempre inicia como uma Úlcera de pressão.... Que é um ponto que fica apoiado - seja na cadeira, na locomoção, ou deitado. É um ponto que faz uma isquêmia transitória ( de 2 a 8 horas) sobre um ponto de pele, musculo ou gordura.


Inicialmente não se dá importância...é só um pontinho mais avermelhado.... mas pode ficar mais escuro e depois preto... e depois abre e sai uma secreção...Pronto. Está estabelecida a escarra. E dalí, tudo pode acontecer.. desde cicatrizar fácil ou evoluir para sepse e morte.


Tratamento pode ser fácil ou difícil... o difícil é saber a extensão interna da lesão. A pele é só um ponto do Iceberg. E que pode ser monstruoso por baixo. E perigoso. Ainda mais quando atinge os tecidos menos vascularizados, como os ossos e os tendões e fáscias.


Uma equipe multidiciplinar é o ideal para o tratamento dessas lesões. Por isso aqui na vida ativa, estamos em busca dessa formação esse grupo de estudiosos dessa lesão. Formado por enfermagem, fisioterapêutas, Cirurgião plástico, Ortopedistas, Cirurgião Proctologista.


A foto, abaixo - escara sacral já na fase intermediária, abrindo um pequeno ponto....


Por Dr. Jiovani Fuzer - CRM 8053 - RQE 4205





10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo